Mãos de pessoa com lápis e calculadora sobre uma mesa de madeira

O empréstimo pessoal é indicado para quem deseja transferir uma dívida ou precisa fazer uma compra de valor alto, mas não quer usar o limite do cartão de crédito. Tomar empréstimo com uma instituição requer planejamento pois, ao assinar a Cédula de Crédito Bancário (CCB), você estará honrando o seu compromisso de bom pagador. Mas e se você tiver um imprevisto e não conseguir mais pagar as parcelas?

Não adianta, seu nome estará numa lista especial


A primeira coisa que acontece, e não tem como fugir, é a negativação do seu nome. A instituição que emprestou o dinheiro informará o SPC e a Serasa sobre a inadimplência, e assim, você deve receber uma carta informando-o sobre o prazo mínimo para a negociação da dívida.

Precisando de empréstimo? Talvez não…


Quando o seu nome é negativado, todas as instituições financeiras, lojas e bancos saberão da sua inadimplência, e não apenas aquela que informou a Serasa e o SPC. Ou seja, se você quiser tomar um segundo empréstimo para fazer uma transferência de dívida, terá dificuldades em consegui-lo, caso não tenha renegociado a pendência.

Uma dívida que se torna uma bola de neve


Sem planejamento financeiro, e uma vez atrasada, a parcela sofre um aumento em decorrência dos juros aplicados. Por isso, um ponto essencial, mais do que taxa de juros, é saber qual o seu CET (Custo Efetivo Total), ou seja, a soma de todos os custos envolvidos no empréstimo incluindo taxa de juros, tarifas, impostos e outros. Essa soma de todos os custos resultará no valor total de juros que irá pagar. Não somente o CET, mas conseguir uma boa opção de parcelamento é fundamental, pois é necessário que consiga pagar as parcelas sem pesar muito no bolso.

Fama de mal pagador


O problema da inadimplência, além do nome negativado, é a fama de mal pagador na instituição onde o crédito foi tomado. Por isso, por mais que a dívida seja amortizada, a instituição ainda saberá do ocorrido e poderá rejeitar um próximo pedido de empréstimo pessoal ou até financiamento.

Seu telefone irá tocar…


Além de tudo o que citamos, lembramos que você poderá receber ligações da empresa de cobrança pois, na maioria dos casos, o banco ou instituição financeira que emprestou o dinheiro, poderá vender a sua dívida para uma empresa de cobranças, a qual te ligará muitas vezes por dia. A solução? Renegociar a dívida em aberto.

Por isso, quando for tomar um empréstimo pessoal, ou renegociar uma dívida, coloque todas as suas contas a pagar na mesa e veja qual a melhor data para o pagamento da parcela. Agende o pagamento das parcelas para a melhor data, de modo que não falte dinheiro.

E, caso esteja considerando tomar um empréstimo, as taxas que a Lendico oferece são personalizadas e muito menores do que as praticadas pelos principais bancos! Faça agora uma simulação e realize o seu sonho!

14 comentários

  1. Boa tarde pedi um empréstimo na Crefisa onde tenho dois contratos e mês passado não foi repassado do meu banco onde recebo pagamento para o banco 1 da Crefisa.Fiz um acordo pelo tel que ficou bem caro pois além dos atrasados terei que quitar os do mês 05.Nao sei como fazer.

    1. Olá Edna,
      se a oferta oferecida pela financeira não está satisfatória, você pode procurar órgãos de defesa do consumidor, como a Procon ou a Proteste, que podem te auxiliar nesta renegociação.

  2. Olá, tenho um empréstimo pessoal no Itaú, ele não está atrasado mas a partir de 2018 não vou conseguir pagar, queria transferir a dívida, com juros menores e parcelas mais baratas, é possível?

    1. Talita, não fazemos a compra da dívida, mas é possível fazer um pedido de empréstimo conosco e, se aprovada, fazer o pagamento da outra dívida com este valor e passar a pagar o crédito mais barato. 😉

  3. Fiz um empréstimo pessoal no Itaú. Porém, devido a alguns problemas pessoais, não estou conseguindo pagar as parcelas.
    Recebo um benefício pelo banco Itaú.
    O banco pode retirar dinheiro da minha conta, devido ao débito?
    Qual a melhor forma de eu resolver este problema?
    Obrigada.

    1. Andreia, se seu empréstimo é pago com débito em conta na mesma conta de recebimento do benefício, poderá haver o desconto. Aconselhamos que busque a instituição para renegociar o pagamento da dívida.

  4. Eu tenho muitas contas e todo mês é um tal de paga aqui minhas contas estão todas pagas eu queria conseguir um empréstimo pra pagar todas e ficar pagando só o empréstimo porque é discontado direto da minha conta

    1. Leida,
      Acesse agora, http://www.lendico.com.br e, já na página inicial, faça uma simulação sem compromisso inserindo a quantia que gostaria de tomar (R$ 3.000,00 por exemplo), e em quanto tempo gostaria de quitar as parcelas (12, 18 ou 24 meses). Gostou da simulação? Então preencha o formulário e mande a sua proposta para nós! Quaisquer dúvidas, estamos à disposição 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.