pessoa digitando senha em máquina de cartão de crédito em mesa de restaurante

Imagine essa situação: você perdeu o controle e a fatura do cartão de crédito ficou muito alta. Está quase no cheque-especial e não tem investimentos e nem poupança para tentar resolver sua situação financeira. Em alguns momentos parece que só um empréstimo para quitar dívidas pode ajudar, não é mesmo? Mas antes de tomar o crédito é muito importante que você tenha alguns cuidados.

Como funciona um empréstimo para quitar dívidas?

Vamos supor que em dezembro, com as compras de Natal e despesas com a ceia você gastou mais do que podia no cartão de crédito. Chegou o dia de pagar a fatura e você olha para o saldo em conta e percebe que não tem jeito. Ou fica no cheque especial ou no rotativo do cartão.

Se você acompanha as notícias já deve ter visto que a taxa de juros do cheque especial estão em 328,9% ao ano. Já no rotativo do cartão de crédito a situação fica ainda pior. Os juros para quem não paga a fatura chegam a 475% ao ano, segundo os últimos dados divulgados.

Não é a toa que quem olha para estes números se assusta e consequentemente vai atrás de uma opção para pagar estas contas. É aí que entra o empréstimo para quitar dívidas.

Entre as melhores alternativas para encontrar os juros mais baixos e pagar o que deve estão o empréstimo consignado e o crédito pessoal. Na Lendico, por exemplo, a taxa de Custo Efetivo Total anual varia de 44,89% a 94,97%, muito menos do que o cheque especial e do que o rotativo.

Se você olhar as taxas mensais e comparar também encontra uma grande diferença. No empréstimo pessoal da Lendico a variação do CET é de 3,09% ao mês a 5,64%, dependendo da análise de crédito e da opção de pagamento escolhida.

Isso significa que o empréstimo para quitar dívidas funciona como um amortizador dos juros que você irá pagar por ter gastado mais do que podia.

E se eu já estiver negativado?

Caso esteja com alguma irregularidade no CPF, há aí um problema. Isso porque as taxas de juros de empréstimo para negativados é muito alta. Sendo assim, tomar um crédito desses para quitar uma dívida pode não ser a melhor opção. Neste caso é preciso analisar onde a taxa está mais baixa e as parcelas cabem em seu bolso.

Na Lendico não é possível fazer empréstimo se você estiver negativado. Isso porque temos uma criteriosa análise de crédito para assim oferecermos as melhores taxas para nossos clientes.

Se você estiver com o ‘nome sujo‘, mas quiser um empréstimo na Lendico, será necessário primeiro regularizar sua situação.

empréstimo pessoal

10 comentários

  1. Por favor preciso pagar meu cartão de crédito, trabalho com bonfeitaria e salgados, tenho uma renda de mais ou menos de 1.5oo a 2.000,depende muito da época, mas nunca fico sem trabalho, sou muito boa no que faço, já estou no ramo há mais de 5 anos,preciso dessa força

    1. Roseli, através do nosso site você poderá simular pedidos de empréstimo e também pedir uma proposta. Para conhecer o nosso processo de empréstimo, acesse bit.ly/Lendico-BR-ComoPedir

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.